Dieta na gravidez – coma de forma saudável

Por Gizele Monteiro

Uma boa dieta na gravidez é muito importante para que seu bebê cresça e se desenvolva. Durante algumas fases da gravidez o consumo pode chegar a cerca de 300 calorias a mais por dia do que consumia antes de engravidar.

As náuseas e vômitos durante os primeiros meses de gravidez pode tornar isso mais difícil e orientações para uma dieta bem equilibrada e alguns suplementos vitamínicos pré-natais são necessários e recomendados por alguns médicos. Aqui estão algumas recomendações para manter você e seu bebê saudáveis.

Metas para uma dieta na gravidez de forma saudável

  • Comer uma variedade de alimentos para obter todos os nutrientes de que necessita. Porções diárias recomendadas incluem porções de pães e grãos, 2 a 4 porções de frutas, 4 ou mais porções de legumes, porções de produtos lácteos, e porções de fontes de proteína (carnes, aves, peixes, ovos ou nozes) . Utilize gorduras e doces com moderação.
  • Escolha alimentos ricos em fibras que são enriquecidos tais como pães integrais, cereais, massas, arroz, frutas e legumes.
  • Certifique-se de que você está recebendo vitaminas e minerais suficientes na sua dieta na gravidez. Você deve estar recebendo constantemente vitaminas e minerais – todos os dias.
  • Comer e beber produtos lácteos e alimentos ricos em cálcio para ajudar a garantir que você está recebendo diariamente 1000-1300 mg de cálcio em sua dieta durante a gravidez.
  • Coma pelo menos três porções de alimentos ricos em ferro por dia para garantir que você está recebendo 27 mg de ferro diariamente.
  • Escolha pelo menos uma boa fonte de vitamina C todos os dias, tais como laranjas, morangos, melão, mamão, brócolis, couve-flor, pimentão verde, tomate e mostarda. Na gravidez as mulheres precisam de 70 mg de vitamina C por dia.
  • Escolha pelo menos uma boa fonte de ácido fólico todos os dias, como vegetais folhosos verde escuro, vitela e legumes (feijão, feijão preto, feijão-frade e grão de bico). Toda mulher grávida precisa de pelo menos 0,4 mg de ácido fólico por dia para ajudar a prevenir defeitos do tubo neural do seu bebê, como espinha bífida.
  • Escolha pelo menos uma fonte de vitamina A em dias alternados. Fontes de vitamina A são cenouras, abóboras, batata doce, espinafre, abóbora, nabo, beterraba, damasco e melão. Saiba que a ingestão excessiva  de vitamina A  (> 10.000 UI / dia) pode estar associada com malformações fetais.
Gizele Monteiro

Gizele Monteiro

É a maior especialista em Diástase e recuperação da barriga.
Criadora dos Programas Online Mães Sem Diástase e Gravidez Sem Diástase, já ajudou mais de 15 mil mulheres a conquistarem o sonho de ter a barriga reta, reverter a diástase sem cirurgia, sem remédio, sem tratamentos estéticos...

Gizele Monteiro

Consultora de celebridades e programas de TV.  Se tornou especialista em diástase e recuperação da barriga após a gravidez. Há 20 anos atuando e estudando sobre o controle de peso na gravidez e na volta do corpo da mulher após a maternidade. Fez mestrado na UNIFESP sendo pioneira e referência sobre Exercícios para Mães e Recuperação do corpo após a maternidade no Brasil e na Europa

Conheça Nossa Página

Canal do Youtube

Descubra Como Ter a Barriga Reta Após a Gravidez

Teste da Diástase: Veja como fazer!

Faça o Teste e Descubra se Você tem Diástase

Descubra Como Evitar a Diástase na Gravidez Com essa Série Gratuita