Gravidez Ativa – previna a dor lombar com exercícios

Por Gizele Monteiro – personal gestante

A dor lombar é uma das complicações mais comuns da gravidez e afeta cerca de 50% das mulheres grávidas. Pode ser considerada uma das principais queixas da gestação e o maior motivo de licença a maternidade antecipada. A dor lombar interfere nas atividades de vida diária, além de poder causar um susto e um mal estar psicológico de que algo está ocorrendo com a gravidez. Alguns estudos apontam que em grande parte das gestantes a dor inicia entre terceiro e quinto meses.

Poucas mulheres sabem, mas o exercício pode ser um meio muito eficiente para a prevenção da dor lombar
durante a gestação, porém é importante que não só o profissional que trabalha com a gestante, mas também a própria gestante entendam que assim como o exercício é um forte aliado na prevenção da dor, o excesso pode oferecer grandes riscos, pois o corpo da mulher nesse momento está passando por grandes modificações e não suporta a mesma carga comparado a uma mulher não gestante.

Benefícios do exercício na gravidez - prevenindo dor nas costas
Benefícios do exercício na gravidez – prevenindo dor nas costas

Uma sobrecarga ou exercícios inadequados, ou o carregamento de peso podem desencadeá-la.

Prescrição de Exercícios para a prevenção da dor lombar:

Para a prevenção da dor lombar a combinação de exercícios é mais eficiente, sendo que um programa adequado deve combinar exercícios de alongamento, fortalecimento e relaxamento muscular, podendo este último utilizar a massagem.

O exercício físico tem efeitos positivos diminuindo a intensidade da dor. Os relatos mostram além da prevenção, que a intensidade é menor em mulheres que se exercitam comparadas com as que
não se exercitam e também aquelas que apresentam uma condição física melhor antes da gestação têm menor chance de desenvolver a lombalgia gestacional, por isso sendo então há uma grande vantagem em manter-se ativa se a mulher deseja engravidar.

No Pós-parto, engana-se quem acha que vai se livrar da dor lombar, muitas vezes ela aparece no pós-parto. Estudos demonstraram que ela tende a desaparecer nos primeiros 6 meses do pós-parto, mas quase 82% das
mulheres continuaram a ter dores por 18 meses do período pós-parto.

Para o período gestacional a orientação do exercícios fica limitada devido o volume abdominal e por isso o profissional deve saber quais exercícios pode escolher. Com o passar dos trimestres gestacionais os exercícios devem ser ajustados em sua execução, principalmente no último trimestre com um volume abdominal maior. Se o exercício realizado em equipamento for desconfortável, deve-se optar por exercícios utilizando halteres ou banda elástica.

Preparamos para você dicas fantásticas para que você ganhe peso de forma saudável e também evite os incômodos associados ao ganho de peso excessivo e sedentarismo. Acesse www.gravidezemforma.com.br e cadastre-se para receber.

Saiba mais sobre nossos atendimentos presenciais e à distânica e-mail – contato@gizelemonteiro.com.br ou fone – (11) 9 9651.8909.

Gizele Monteiro

Gizele Monteiro

É a maior especialista em Diástase e recuperação da barriga.
Criadora dos Programas Online Mães Sem Diástase e Gravidez Sem Diástase, já ajudou mais de 15 mil mulheres a conquistarem o sonho de ter a barriga reta, reverter a diástase sem cirurgia, sem remédio, sem tratamentos estéticos...

Gizele Monteiro

Consultora de celebridades e programas de TV.  Se tornou especialista em diástase e recuperação da barriga após a gravidez. Há 20 anos atuando e estudando sobre o controle de peso na gravidez e na volta do corpo da mulher após a maternidade. Fez mestrado na UNIFESP sendo pioneira e referência sobre Exercícios para Mães e Recuperação do corpo após a maternidade no Brasil e na Europa

Conheça Nossa Página

Canal do Youtube

Abdominais tradicionais não reverte a Diástase

Descubra Como Ter a Barriga Reta Após a Gravidez

Teste da Diástase: Veja como fazer!

Faça o Teste e Descubra se Você tem Diástase

Descubra Como Evitar a Diástase na Gravidez Com essa Série Gratuita