Anorexia no Pós-Parto

Profa. Ms Gizele Monteiro

Os estudos têm relatado que mulheres com anorexia no período pós-parto, demonstram negligência com o filho, delegando à avó os cuidados de maternagem. Segundo os autores, talvez isso seja explicado pelo distanciamento afetivo que ocorre nos quadros de anorexia.

Esse comprometimento afetivo pode estar associado à anorexia em si ou às alterações de cognição e humor conseqüentes à desnutrição.

Porém existe uma falha nos estudos e infelizmente, não houve um acompanhamento posterior que caracterizasse melhor tal comportamento.

A literatura cita que 30% das pacientes recuperam-se de um episódio mantendo sintomas residuais. Estes são de gravidade variável e podem piorar ou melhorar no longo prazo. Além disso, pacientes recuperadas de anorexia podem ter expressividade emocional e espontaneidade social reduzidas e uma inclinação para querer ser magra.

Assim, a ocorrência associada de anorexia nervosa e gravidez, embora pouco usual, deve ser reconhecida porque se reveste de grande potencial mórbido para a gestação e para o feto.

Referência:

Dunker et al (2009). Transtornos alimentares e gestação – Uma revisão. J Bras Psiquiatr. 58(1):60-8.

Gizele Monteiro

Gizele Monteiro

É a maior especialista em Diástase e recuperação da barriga do Brasil e hoje tem alunas em mais de 70 países. Criadora dos Programas Online Mães Sem Diástase, Gravidez Sem Diástase, Pronta para Engravidar, já ajudou mais de 26 mil mulheres a conquistarem o sonho de ter a barriga reta, reverter a diástase sem cirurgia, sem remédio, sem tratamentos estéticos e nessa transformação recuperarem sua autoestima. Autora do primeiro livro no mundo sobre Diástase - Vencendo a Diástase - Buzz Editora.

É a maior especialista em Diástase e recuperação da barriga do Brasil e hoje tem alunas em mais de 70 países. Criadora dos Programas Online Mães Sem Diástase, Gravidez Sem Diástase, Pronta para Engravidar, já ajudou mais de 26 mil mulheres a conquistarem o sonho de ter a barriga reta, reverter a diástase sem cirurgia, sem remédio, sem tratamentos estéticos e nessa transformação recuperarem sua autoestima. Autora do primeiro livro no mundo sobre Diástase – Vencendo a Diástase – Buzz Editora.

Conheça Nossa Página

Canal do Youtube

Reproduzir vídeo