Postura e Dor nas Costas na Gravidez – como evitar

Por Gizele Monteiro – Personal Gestante

 

A Dor nas costas e a Postura na Gravidez estão intimamente ligadas.
 
A gravidez é cercada por muitas mudanças corporais, dentre elas as fisiológicas e anatômicas. Essas adaptações e modificações são provocadas pelas necessidades funcionais e metabólicas impostas pela gravidez.
 
O mecanismo compensatório postural mais relatado por autoridades é um aumento da curvatura lordótica da mulher. Isso acontece por causa do aumento do volume abdominal para alojar o bebê.
 

 

Como evitar dor nas costas na gravidez by Gizele Monteiro
Dor nas Costas na Gravidez
 
Uma das complicações mais comuns da gravidez é a dor nas costas (principalmente na região lombar) e cerca de 50% das mulheres sofrerão com ela durante a gestação.
 
O exercício é usado como uma das medidas eficientes para a prevenção da dor lombar durante a gravidez.
 
Se você o fizer desde cedo – início da gestação – somando-se com várias orientações posturais e ergonômicas terá um efeito muito bom. Os exercícios de alongamento, fortalecimento e relaxamento muscular serão os principais para esse efeito.
 
Muitos estudos já mostram o quanto essa combinação é positiva, aliviando inclusive dores já instaladas.
 
Os exercícios de alongamento são parte dessas recomendações.
 
Eles ajudam no relaxamento e compensação da postura, promovendo em você também uma percepção corporal. Isso permite reconhecer quando houver sobrecarga da região durante a execução de alguma atividade, ou durante a manutenção prolongada de uma postura.
 
Para te ajudar nesse caminho, eu criei um conteúdo fantástico e que traz informações valiosas e um passo a passo com exercícios já direcionados para essa prevenção.
 
Acesse agora esse conteúdo com mais 8 palestras incríveis (em vídeos) que te ajudarão a ter uma Gravidez saudável e em Forma. Junto com esse curso você recebe 2 bônus – 2 guias que te ajudarão a não inchar e a “evitar as temidas dores nas costas” com todo esse passo a passo.
Clique no botão abaixo para começar agora a controlar seu peso e evitar as dores nas costas.

Importância da Vitamina D na Gravidez

Por Dra Lívia Pondorf – Instagram @ginecologiafuncional

 

Esse post é em homenagem a uma paciente minha, porque esse estudo é 100% ela! ❤️❤️ .
?Um estudo chinês foi publicado esta semana!

Vitamina D na gestação by Dra Lívia Pondorf

Um mega estudo incrível, uma meta análise, demostrando uma vez mais a importância da vitamina D na gestação. Desta vez, ela foi relacionada ao risco de Trabalho de parto prematuro.

O estudo detectou que a suplementação ? de vitamina D pode reduzir em até 43% este risco de parto prematuro!

Por favor, meninas tomem sua vitamina D ????!! Não deixem de fazê-lo.

Se por algum motivo vocês não tomam este suplemento, peixes e ovos não podem faltar em sua dieta.

☝? Lembrando que a recomendação é consumir peixe apenas 1 ou 2 vezes na semana e não mais do que isso.

Todo mundo fala sobre tomar sol para ajudar, mas infelizmente a maior produção de vitamina D com a ajuda do sol ☀️ ocorre com a exposição, sem protetor, entre as 11 e 15 horas, o que não deve ser feito por gestantes.

O melasma gravídico não é legal?

Gravem: vitamina D é obrigatório na gravidez ?

.

Um outro estudo mostrou a suplementação com vitamina D em diversas mulheres nos dois primeiros trimestres da gestação.

O resultado final chama muito a atenção!

Houve uma significativa diminuição na incidência de diabetes na gravidez no primeiro grupo. As gestantes que tinham pelo menos um fator de risco para essa patologia, e que não receberam a vitamina apresentaram taxas três vezes maiores de diabetes gestacional!!

 

Outra pesquisa testou diversas dosagens de vitamina D em gestantes com diabetes na gravidez. E o resultado? As pacientes com as mais altas doses de vitamina D tiveram uma melhora significativa na resistência à insulina, sem falar no aumento de diversos antixoxidantes, como a glutationa, que protege nossas células contra radicais livres e melhora o sistema imune.

 

**** Quem conhece alguém com diabete na gravidez? Super comum, não é? Então vamos começar a vitaminar essas mulheres durante a gestação. ????

 

Vitamina D e a doença mais comum na gravidez – a pré-eclâmpsia, a pressão alta na gravidez. ?

Diversos estudos já demonstraram que a deficiência de vitamina D está associada ao aumento do risco de pré eclâmpsia!

Um deles (2013) comprovou essa associação, que fica mais evidente quando há insuficiência? desta vitamina (níveis sérios abaixo de 50nmol/L). Já o segundo afirma que o risco de desenvolver pré-eclâmpsia em quem tem pouca vitamina D no sangue chega a ser 78% maior!!! ?

Acredita-se que este efeito se deva a mecanismos biológicos, imunes, placenta normal, excesso de inflamação e a hipertensão em si.

Além disso, há mais inúmeros estudos que comprovam esta relação!

 

Portanto, revisando os temas acima … a importância da vitamina D relacionada ao menor risco de pré eclâmpsia, de diabetes gestacional e de trabalho de parto prematuro, além de melhor controle do diabetes naquelas pacientes que apresentam níveis adequados de vitamina D.

Agora um outro estudo demonstra que pacientes que possuem baixos níveis de vitamina D apresentam 60% mais risco de terem bebês pequenos para idade gestacional.

Bebê saudável é bebê com peso dentro da média! ?

Bebês que tem peso muito reduzido, tem maior risco de doenças crônicas no futuro, e também de serem obesos.

Se temos a possibilidade de oferecer o melhor para eles, porque não?

Vitamina D e alimentação correta para que eles nasçam com o metabolismo super bonitinho para o futuro. ????

 

Você encontra a Dra Lívia Pondorf no Instagram – @ginecologiafuncional

e-mail: [email protected]

Saiba quanto peso deve ganhar na gravidez

Gizele Monteiro – Personal Gestante Exercícios na Gravidez e Pós-parto

Idealizadora dos  programas Gravidez em Forma e Mães em Forma

SAIBA QUANTO PESO DEVE GANHAR NA GRAVIDEZ

Uma enquete realizada no no site da Revista CRESCER (veja aqui) mostra que a maioria das grávidas não quer engordar nem o recomendável pelos médicos. Veja os resultados:

Ganho de peso na gravidez by Gizele Monteiro
Ganho de peso na gravidez by Gizele Monteiro

Como você cuida do peso durante a gravidez?

18% – Estou tentando perder peso

50% – Tento manter o peso inicial

32% – Pretendo ganhar a quantia indicada pelo obstetra

  • ENGRAVIDOU COM PESO ADEQUADO: se você engravidou e está com peso adequado, não precisa – nem deve – se preocupar em perder ou manter o peso de antes. Esse é o único momento da vida em que a expectativa é que você aumente o seu peso mesmo (na medida certa, claro).

Uma enquete com cerca de 60 mulheres no site CRESCER mostra que a maioria não quer “engordar” nem o recomendável, o que pode prejudicar o bebê.

Parte do peso ganho durante a gravidez está relacionado ao peso do bebê e outras estruturas e mudanças como: placenta, aumento do volume de sangue, etc.

Em média, você deve ganhar de 9 a 12 kg na gestação. Se engordar menos de 5 kg, seu filho pode desenvolver alguma doença no futuro. E se engordar demais, pode ter diabetes, diz Flávio Garcia de Oliveira, obstetra. Mas a regra não vale para todas.

ENGRAVIDOU ABAIXO DO PESO: quem estava muito abaixo do peso antes de engravidar pode precisar ganhar mais quilos e vice-versa.

O importante é manter a saúde da mamãe e do bebê!

Lembramos que um programa de exercícios físicos é um meio de auxiliar no seu ganho de peso adequado, te ajudando a evitar a obesidade e doenças relacionadas a esse ganho de peso excessivo durante a gravidez!

 

UM PROGRAMA GESTANTE PODERÁ TE DAR O PASSO A PASSO E O QUE FAZER EM CADA FASE DA GRAVIDEZ

Essa é a grande diferença de um programa preparado por um Personal
Gestante e é a grande diferença do programa GRAVIDEZ EM FORMA

-> Entenda como você pode ganhar o peso adequado.

<< Acesse o site e conheça o programa – Clique aqui >>

Programa para controle de peso by Gravidez em Forma
Programa para controle de peso by Gravidez em Forma

Atividade física na gravidez

Atividade física na Gravidez pode ser considerada saúde ou estética?

Infelizmente muitos ainda a tem como estética e vaidade, mas isso não é verdade. Veja nessa artigo quantos benefícios o atividade física na gravidez pode proporcionar.

Mudanças nos níveis de atividade física na gravidez

Atividade física na gravidez
Atividade física na gravidez

A diminuição da atividade física na gravidez é comum devido a todas as alterações corporais.

Essa redução ocasiona a queda no nível de aptidão física da mulher. Desta forma, é interessante que a mulher realize atividade física na gestação.

A atividade física na gravidez, ajudará a manter seu peso controlado, mais disposta por manter a força muscular e também sem dores. Tudo isso contribuirá para a manutenção da sua aptidão.

De acordo com o Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia (ACOG) a recomendação de exercícios na gravidez para mulheres sem complicações obstétricas é a mesma recomendada pelo Centro de Controle de Doenças e Colégio Americano de Medicina Esportiva (CDC/ACMS), ou seja, acumular pelo menos 30 minutos de exercícios moderados todos os dias.

Atividade física na gestação by Gizele Monteiro
Atividade física na gestação by Gizele Monteiro

Há uma necessidade de alterações nos programas de exercício devido as mudanças endócrinas, cardiovasculares e posturais ocorridas durante o período gestacional, e então um programa de exercícios especializado será adequado para seu novo corpo.

Um programa elaborado com conceitos e as mudanças necessárias será primordial.

As mudanças do período gestacional devem ser respeitadas para não colocar em risco o binômio mãe-bebê.

Benefícios do exercício na gestação:

Os benefícios de exercícios físicos bem orientados são diversos e atingem diferentes áreas do organismo materno.

  1. Reduz e previne as dores nas costas e quadril tão comuns,
  2. Controle da adiposidade e do ganho de peso gestacional,
  3. Controle da pressão arterial, diminuir o inchaço,
  4. Aumento ou manutenção a aptidão física,
  5. Atuar na melhora da saúde psicológica, como auto-imagem, ansiedade, bem estar e humor.

Vários estudos ainda relatam a diminuição de riscos de diabetes gestacional e pré-eclâmpsia em mulheres que mantêm maiores níveis de atividade física antes e durante a gestação.

Desta forma, recomenda-se um estilo de vida ativo a ser adotado por mulheres gestantes, pois assim além de uma gravidez saudável proporciona uma recuperação mais rápida no pós-parto.

 

Programa Gravidez em Forma

Conheça o programa Online Gravidez em Forma e desfrute cada um desses benefícios em sua gravidez. Tenha seu corpo de volta depois da gravidez. Clique na imagem e saiba mais !!

 

Programa Online Gravidez em Forma - exercícios especializados by Gizele Monteiro
Programa Online Gravidez em Forma – exercícios especializados by Gizele Monteiro

Referências

ACOG (American College of Obstetricians and Gynecologists). Committee on Obstetric. Exercise during pregnancy and the postpartum period. Pratice Bulletin. Number 267. Am Col Obstet Gynaecol. 2002; 99:171-173.

JOINT SOGC/CSEP CLINICAL PRACTICE GUIDELINE. Exercise in pregnancy and the postpartum period. JOGC. 2003; 129:1-7.

Ganho de peso durante a gravidez – Benefícios do exercício

Por Gizele Monteiro – Personal Gestante – programa online Gravidez em Forma

 

O ganho de peso durante a gravidez pode ser um dos maiores benefícios que o exercício pode promover para a mamãe e seu bebê. Você tem idéia do porque?

Ganho de peso na gravidez - benefícios do exercício by Gizele Monteiro
Ganho de peso na gravidez – benefícios do exercício by Gizele Monteiro

 

Algumas doenças que a gestante pode desenvolver na gravidez tem um risco maior de aparecerem quando se ganho muito peso. É um exemplo da hipertensão e diabetes. Essas doenças podem ser um risco aumentado também para que o bebê desenvolva-as em sua vida futura.

Mas vamos a outros pontos … Um dos maiores medos da mulher na gestação é engordar e é comum ouvir mulheres dizendo que engordaram 20-25 quilos durante a gravidez.

Além da estética e uma dificuldade muito maior de ter novamente seu corpo de volta, existe perigos para o ganho de peso excessivo na gravidez.

De fato a mulher tem que aumentar o seu peso e esse é distribuído entre o conteúdo feto-placentário e mais os tecidos da mulher que também aumentam como coração, mamas, líquidos, e é claro, a gordura.

Durante a gestação, existem duas fases metabólicas bem definidas:

– Ganho de Peso na Gravidez no primeiro e segundo trimestres

No primeiro e segundo trimestres há o crescimento fetal mínimo e nessa fase há o grande perigo do aumento da gordura porque a mãe além do metabolismo alterado, ela tem mais fome e come mais, processo denominado hiperfagia, resultando então no aumento do peso corporal materno, especificamente pelo grande acúmulo de gordura. Portanto o ganho de peso na gestação se dá pelas mudanças teciduais e gordura.

Uma das maravilhas é que todo esse processo faz com que a mulher durante a gestação poupe sua glicose para o seu bebê. Há uma inversão metabólica em seu organismo fazendo com que ela estoque gordura para ter alimento para ela e disponibilizando dessa forma a quantidade adequada de glicose para crescimento e formação do bebê.

– Ganho de Peso na Gravidez no último trimestre

No último trimestre, há o intenso crescimento fetal, que é sustentado pela transferência de nutrientes da circulação materna. O acúmulo de gordura cessa e em muitos casos, há até queda nos depósitos de gordura. Especialmente nesse período (terço final), os pesos fetal e placentário aumentam aceleradamente elevando as necessidades calóricas à custa do metabolismo materno.

Iniciar a gestação com sobrepeso, obesidade ou ganhar peso excessivo durante, são fatores de risco e podem levar a gestante ao desenvolvimento de hipertensão arterial e pré-eclâmpsia. Há o risco também de desenvolvimento de diabetes gestacional que está associado a um crescimento fetal exagerado (macrossomia fetal). Essas situações podem provocar riscos obstétricos durante o parto e obesidade pós-parto. Cerca de 45% das mulheres obesas no mundo ganharam peso após a gravidez.

Benefícios do Exercício na Gestação

Um dos benefícios com a prática de exercícios na gestação é auxiliar no

Exercício na Gravidez by Gizele Monteiro
Exercício na Gravidez by Gizele Monteiro

controle do ganho de peso, controlando dessa forma o ganho de gordura (aumento da adiposidade).

O controle no ganho de peso durante gravidez também está associado a um melhor controle da pressão arterial, prevenindo pré-eclâmpisa e eclâmpsia; e prevenção de diabetes gestacional.

Todos esses benefícios levam a redução de complicações no parto, favorecendo a saúde da mulher e do bebê.

Então que tal dar uma guinada na sua saúde ?

O programa Gravidez em Forma – Programa Online foi especialmente para te ajudar a controlar o peso e não engordar na gravidez.

A balança é um pesadelo para muitas mulheres e por isso o conceito do programa é De Bem Com a Balança!

Tenha o seu corpo de volta sem sofrimentos, ganhando o peso adequado na gravidez.

Acesse meu e-book Gravidez em Forma << Clique aqui para conhecer e adquirir o e-book >> – um curso completo que te dá o passo a passo para essa conquista.

Aproveite para adquirir o programa Online de exercícios Gravidez em Forma << Clique aqui para acessar o programa >>.